Católicos de Nortelândia lotam Igreja Matriz para celebrar o início da Quaresma | Diocese Diamantino
Home / Paróquias / Nortelândia / Católicos de Nortelândia lotam Igreja Matriz para celebrar o início da Quaresma

Católicos de Nortelândia lotam Igreja Matriz para celebrar o início da Quaresma

O pároco de Nortelândia, Melquior Casali, abriu oficialmente na noite de ontem (01/03), durante a celebração da missa de imposição das cinzas na Igreja Matriz, o período da Quaresma, com a presença de centenas de fiéis. Nos próximos 40 dias, a igreja se prepara, através da meditação, da conversão, do jejum e da penitência, para vivenciar a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo.

A Quarta-Feira de Cinzas, junto com a Sexta-Feira Santa, são os dois dias do ano em que a Igreja pede aos fiéis católicos a prática do jejum e abstinência de carne. A Igreja recomenda, ainda, o exercício do desapego de práticas e objetos supérfluos. Ainda segundo a tradição católica, a imposição das cinzas simboliza a penitencia para a celebração da Páscoa.

“A atitude de conversão deve ser vivida através da oração, da penitência e da caridade. Por isso, a cor litúrgica roxa utilizada na Quaresma é sinal e recordação da penitência que não pode faltar no processo de conversão. O esforço de superação do pecado, sustentado pela graça de Deus, comporta sempre renúncias e sacrifícios. Na liturgia dominical, uma verdadeira catequese quaresmal, proposta pela Igreja, nos conduz à renovação da vida batismal, na Páscoa”, afirmou Padre Melquior durante usa homilia.

Elas, as cinzas, são sinal de penitência, no sentido de conversão. No gesto de imposição das cinzas sobre a cabeça das pessoas, o sacerdote pede que o fiel se converta e creia no Evangelho.

A origem das cinzas usadas tem seu significado. Elas são preparadas pela queima de palmas usadas na procissão de Ramos do ano anterior. Lembram, portanto, o Cristo vitorioso sobre a morte. A palma é símbolo de vitória e de triunfo. Assim, se os cristãos aceitam reconhecer sua condição de criaturas mortais, e transformar-se em pó, ou seja, passar pela experiência da morte, a exemplo de Cristo, pela renúncia de si mesmos, participará também da vida que ressurge das cinzas.

Confira as imagens clicando aqui:

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS…

Deixe seu comentário