Home / Assembleias Diocesanas / Assembleias de Pastoral / Assembleia Diocesana de Pastoral 2014

Assembleia Diocesana de Pastoral 2014

assembleia 2014

Nos dias 15 e 16 de Novembro, no Centro Diocesano de Pastoral em Diamantino, Padres, Religiosas, Leigos e Leigas de todas as Paróquias da Diocese, juntamente com o bispo Dom Vital Chitolina e o coordenador diocesano de pastoral Pe Reinaldo Braga Junior, reuniram-se em assembleia para:

a) Compartilhar e avaliar a caminhada pastoral feita durante o ano em curso, à partir das prioridades definidas na Assembleia/2013.

b) Consciente da sua natureza missionária e do dever de ser uma Igreja de Comunhão e Participação com destaque no protagonismo dos Leigos, planejar a sua ação evangelizadora para 2015.

assembleia 20141

Além dos momentos de oração, celebração, estudo, partilha, plenários, ponderações e encaminhamentos, o ponto alto da Assembleia de Pastoral desse ano foi marcado por três importantes decisões:

1) À partir das Urgências apresentadas pelas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (CNBB), foram escolhidas as seguintes prioridades para a Diocese em 2015: Igreja em estado permanente de Missão; Igreja – lugar de animação bíblica da vida e da pastoral; Igreja – comunidade de comunidades.

2) Em 2015 a Diocese, através de uma equipe, trabalhará a construção e promulgação do novo Plano Diocesano de Pastoral, bem como de um novo Diretório dos Sacramentos e de um novo Manual de Orientações Administrativas.

3) A Diocese está dividida em 4 Setores. Devido o uso do mesmo termo para as divisões setoriais nas Paróquias, foi proposta e votada na Assembleia, a mudança do termo Setor para Forania, por unanimidade.

assembleia 20142

A Assembleia contou com 108 participantes e agora, após a sua realização, será confeccionado o calendário diocesano com as atividades das pastorais e dos movimentos eclesiais planejadas para 2015.

Que Deus, através da Mãe Imaculada nossa padroeira, continue abençoando a todos nós, o Seu Povo, e fazendo-nos sempre uma Igreja acolhedora e servidora especialmente dos mais pobres e necessitados. Só assim estará sendo fiel à sua Missão salvífica!

clique e veja 5

Deixe seu comentário